A Volta ao Mundo Pelas Casas dos Livros

Biblioteca Marciana

2969090742_9592ce11d5

Olá a todos!! Hoje venho trazer informações sobre mais uma bela Biblioteca. Desta vez, a nossa viagem é até Itália, mais propriamente Veneza, onde se situa a Biblioteca Marciana. Espero que gostem!!

A Biblioteca Nazionale Marciana também pode ser chamada pelos nomes de Biblioteca di San Marco, Libreria Marciana, Libreria Sansoviniana, Libreria Vecchia, Libreria di San Marco ou simplesmente La Marciana.

biblioteca1329016679494

Esta é a mais importante biblioteca de Veneza e uma das maiores de todo o país. Contém uma das mais ricas colecções de manuscritos do mundo.

Ocupa parte dos edifícios da praça de São Marcos na piazzetta dei Leoncini, na margem do Grande Canal de Veneza.
O poeta Petrarca legou a sua biblioteca pessoal à cidade e hoje esta encontra-se conservada na “Marciana”.

transferir

Também o Cardeal Bessarion, entregou os seus livros à República de Veneza ad communem hominum utilitatem (em 31 de Maio de 1468) e este foi o primeiro passo para a constituição da biblioteca publica com: 746 manuscritos dos quais 482 em grego e 246 em latim, aos quais se juntaram 250 outros manuscritos após a morte do doador.

Biblioteca-Nazionale-Marciana

A biblioteca viu as suas colecções enriquecerem graças a inúmeras doações e legados, assim como por incorporação de outras bibliotecas da cidade e da República.

Em 1603, uma lei entrou em vigor, impondo a todos os impressores de Veneza o depósito de uma cópia de cada obra à Marciana. Esta última torna-se assim a biblioteca central da República.

image_gallery

Hoje em dia, esta biblioteca tem o estatuto de biblioteca pública do Estado e as suas colecções incluem:
• 1 000 000 de obras impressas antigas e modernas
• 2 283 incunábulos
• 13 000 manuscritos
• 24 055 livros do século XVI

As obras mais conhecidas são dois códices da Ilíada, o Homerus Venetus A (século X) e o Homerus Venetus B (século XI).

Encontra-se igualmente na Marciana a Chronologia magna de Fra Paolino, manuscrito de Plínio, cópia de 1481 que pertenceu a Giovanni Pico della Mirandola, um exemplar do primeiro livro impresso em Veneza, numerosas edições aldinas, uma rica coleção de cartas e de atlas (incluindo uma cópia do mapa-múndi de Fra Mauro), etc.

Venezia_-_Biblioteca_Marciana_-_Vestibolo

Aqui está o site oficial da biblioteca aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *