um homem com sorte
Em Português,  Livros

| Um Homem com Sorte | Nicholas Sparks – Opinião Literária

Um Homem com Sorte é uma história de amor, mas também de perdas. É sobre esperança e o acreditar em algo superior. É sobre o destino e o quanto dele já está escrito desde o momento em que nascemos. Este é um livro que nos fala sobre a sorte.

Um Homem com Sorte

um homem com sorte

 

Titulo Original: The Lucky One

Autor: Nicholas Sparks

Páginas: 368

Editora: ASA

Data de publicação: 2018

ISBN: 9789892342436

 

Sinopse

Tudo começa com uma fotografia. Encontrada nas areias do deserto, coberta de poeira, meio enterrada… Nela, uma mulher bonita sorri. Ao encontrá-la, Logan Thibault, fuzileiro naval dos Estados Unidos a cumprir serviço no Iraque, quase – quase – a ignora. Mas algo o faz reconsiderar, e acaba por guardá-la. A partir desse momento, Logan parece ser bafejado pela Sorte.
Já de regresso a casa, as memórias da guerra continuam a atormentá-lo… e a imagem que não lhe sai da cabeça é a da jovem da fotografia. Será ela a chave do seu destino? Logan está disposto a arriscar que sim e decide procurá-la, nem que para tal tenha de correr todo o país. Quando finalmente a encontra, a atração entre ambos é inegável. Beth é a mulher por quem Logan esperou a vida toda. Ainda assim, ele guarda para si o segredo de como chegou até ela… sem saber que pode estar a destruir não só o amor de ambos, mas também as suas vidas…

Texto disponível no site da editora Leya, aqui.

Opinião

Inicialmente, acreditei que o Logan procurou pela mulher da foto por acreditar estar apaixonado por ela. Confesso que isso me fez confusão porque ninguém é capaz de se apaixonar por outra pessoa apenas por ver a sua fotografia. Mas, com o decorrer da história, percebi que isso não era verdade. Percebi o porquê de ele não contar à Beth o que o fez ir para àquele lugar, no entanto, acho que a omissão deveria ter terminado no momento em que se envolveram. Afinal, ela tinha o direito de saber.

Logan é um personagem envolto em mistério. Traz consigo muitos pensamentos e lembranças mais sombrias. Ao mesmo tempo, ele é o homem com sorte. Aquele que sobreviveu quando todos os outros caíram. Isso seria visto como uma dádiva por muitos, mas para ele, por vezes era uma maldição.

Beth vivia angustiada pela forma como o seu ex-marido tratava o seu filho e com a mágoa de ter perdido o seu irmão na guerra. A saúde da avó preocupava-a e o trabalho na escola de cães estava a acumular. Para além disso, o ano letivo estava a iniciar e ela estava prestes a ter de escolher entre a sua profissão ou a gestão do negócio da avó.

Ambos os personagens precisavam de algo que completasse a sua vida, mas estavam longe de saber que encontrariam um no outro esse complemento.

A Sorte

Um Homem com Sorte dá um grande poder simbólico à fotografia de Beth, atribuindo-lhe o poder de ser um amuleto da sorte. Ele explora a profundidade da mente humana que, em momentos de crise, é capaz de se agarrar ao mais leve motivo para fazer a esperança – de que algo melhor surja – crescer.

De uma forma envolvente, o autor criou uma narrativa que me prendeu a cada uma das suas páginas.

Esta é um leitura inspiradora que nos ensina mais sobre a arte de acreditar. Em quê? Não importa. Simplesmente acreditar…

*******

Para lerem mais das minhas opiniões literárias, podes seguir este link!

2 Comments

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *