Em Português,  Livros

|Salva por um Escocês | Sarah MacLean – Opinião

Se beleza fosse o segredo para a felicidade, Lillian Hargrove nunca teria precisado de ser Salva por um Escocês, mas a verdade é que o Duque de Warnick se vê na obrigação de vir em seu auxilio para recuperar a sua reputação.

Salva por um Escocês

salva por um escocês

 

Titulo original: A Scot in the Dark

Autora: Sarah MacLean

Data de Publicação: outubro 2018 (2ª edição)

Páginas: 352

Editora: Topseller

ISBN: 978-989-8917-50-8

 

Sinopse

Lillian Hargrove, a mais bela jovem de Inglaterra, viveu sozinha durante anos, ansiando por amor e companhia. Começando a perder a esperança de um dia os seus sonhos se tornarem realidade, Lily envolve-se com um artista libertino e mentiroso, que lhe pede que pose nua para ele. Ao aceitar a proposta, acaba por se expor perante toda a sociedade, tornando-se motivo de escárnio e vergonha.

Mas Lily não esperava que um escocês, recentemente intitulado Duque de Warnick e nomeado seu guardião, atravessasse a fronteira de Inglaterra para impedir que a ruína a alcançasse. Warnick tem um único objetivo: casar a sua protegida, passando o problema para outra pessoa, e, em seguida, voltar à sua vida tranquila na Escócia, longe daquele país que tanto abomina.

O plano parece simples. Até Lily declarar que só se casará por amor, e o duque escocês perceber que, aparentemente, há algo naquele país de que ele, afinal, gosta bastante?

«Com uma deliciosa sensualidade, descrições perspicazes e inteligência refinada, esta história profunda e maravilhosamente escrita irá cativar o leitor do início ao fim.» – Library Journal

Texto retirado do site da editora Topseller, disponível neste site!

Opinião

Lillian cometeu um erro em nome do que considerava que ser amor. O preço a pagar por ter cometido esse erro é muito alto para ela suportar. Por esse motivo, refugia-se em casa enquanto aguarda que os dias passem até que o seu aniversário chegue. Assim que esse dia chegar, ela vai pegar na herança a que tem direito e vai sair de Londres. Ela não é capaz de ultrapassar a vergonha e sair à rua e ser olhada de lado por todos.

Alec não queria o titulo inglês. Ele não desejava ser Marquês e, com a mais absoluta certeza, não queria uma pupila. No entanto, quando fica a saber da sua existência, já ela se encontra na fase em precisa de ter a sua reputação salva. Alec iria assegurar-se de que isso, de facto, acontecia.

***

Inicialmente, Lillian pareceu-me um pouco “assustadiça”. Alec encontra-a fechada dentro de casa com vergonha de sair à rua. Mas rapidamente percebi que isso não era verdade. Ela estava envergonhada, sim, mas estava longe de ser uma donzela à espera de ser salva. Tal como a autora nos tem habituado, também esta personagem feminina é dotada de uma força interna admirável, para a época em que vivia. Ela apenas era solitária, porque não tinha alguém que realmente se importasse com ela.

A sua amizade com as “irmãs perigosas” trouxe muitos momentos divertidos à história, assim como a sua relação com o Alec. Ela não mostrou submissão nem medo perante aquele que todos chamavam de demónio.

A Alec, só lhe faltou leiloar a sua pupila a um homem que quisesse casar com ela. Em sua defesa, ele acreditava estar a fazer a coisa certa para a proteger. Ele é um homem com marcas emocionais profundas devido a coisas que lhe aconteceram no passado e acredita que não pode ser corrigido.

Finalmente, achei que Salva por um Escocês tem um pouco menos aventura do que o Acordo com o Marquês… Mas, ainda assim, não desiludiu! De todo! Ele tem uma história com passagens muito divertidas e um romance adorável que mostra como um “brutamontes” também tem sentimentos.

*******

Podem ler a minha opinião sobre o livro Acordo com o Marquês a partir deste link.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *