Em Português,  Livros,  Uncategorized

| Sarilhos com Duques | Grace Burrowes – Opinião Literária

Sarilhos com Duques, apresenta Megan e Hamish, uma donzela em apuros e um duque com fama de ser sangrento. Separados não passam de uma jovem com ligações à nobreza, mas sem titulo e de um duque de quem todos têm medo. Juntos, formam uma dupla que se compreende e complementa.

Sarilhos com Duques

sarilhos_com_duquesTítulo Original: The Trouble With Dukes

Série: Noivas da Regência

Volume: I

Autora: Grace Burrowes

Data de publicação:  2018

Páginas: 336

Editora: Quinta Essência

ISBN: 9789897419515

Sinopse
Dizem as más línguas que o novo duque de Murdoch, Hamish McHugh, é um brutamontes e um assassino. E pior do que isso… escocês!!! Seria impensável deixá-lo sozinho com uma mulher de bem. Mas Meghan Windham consegue detetar em Hamish algo especial…
No campo de batalha não havia guerreiro mais feroz do que ele. Mas o palco de guerra agora é bem diferente: a temporada social londrina! Mas Hamish é capaz de tudo para agradar às suas irmãs… até mesmo ter aulas de dança com a jovem Miss Windham. E embora ela não se deixe intimidar pelo temperamento dele, Hamish pressente que também Meghan trava uma luta…
Por ela, Hamish está disposto a pegar em armas mais uma vez…
Por ela, é bem capaz de perder o coração…
Sarilhos com Duques apresenta-nos a belíssima série Noivas da Regência – bem como a talentosa Grace Burrowes, que depressa se tornará uma preferida dos nossos leitores…
Texto retirado do site da editora Leya, disponível neste link.
Opinião

Sarilhos com Duques foi uma das última leituras que fiz no ano passado, mas apenas agora tive oportunidade de partilhar a minha opinião literária.

Como já começam a ficar habituados, este é mais um romance histórico. Começam a perceber que eu não deixo passar muito tempo sem ler um destes, não é?

Neste livro, a personagem principal feminina, Megan, não é tão forte como as que costumo encontrar em outros romances históricos. Ela é mais frágil e sensível, literalmente uma donzela em apuros. No entanto, a sua natureza bondosa não a permite julgar o Duque de Murdoch como o restante da sociedade.

Embora todos apregoem os seus feitos sangrentos, existe uma versão mais sensível de Hamish McHugh. Apesar de ouvir todos a falar de si pelas costas, ele permanece em Londres por causa das suas irmãs. Quando toma conhecimento dos problemas que Megan enfrenta e com a chantagem a que está sujeita, toma para si a missão de a ajudar.

Neste livro, Megan desiludiu-me um pouco por não ter uma atitude mais forte, no entanto, na minha opinião, a sua relação com Hamish é um ponto positivo. No que toca a Hamish, senti uma empatia com o personagem. Acima de tudo, ele queria proteger aqueles de quem gosta e é eficiente nisso.

*******

Podem ler mais das minha opiniões literárias através deste link!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *