a tentação do casamento
Em Português,  Livros

| A Tentação do Casamento | Mary Balogh – Opinião

Wren tem tudo o que poderia precisar, propriedades, dinheiro e até um negócio, mas ela deseja um casamento. A Alexander falta-lhe o dinheiro para conseguir manter as pessoas que dependem dele. Ela propõe-lhe matrimónio, será ele capaz de resistir à Tentação do Casamento?

A Tentação do Casamento

 

Título Original: Someone to Wed

Autora: Mary Balogh

Série: Série Westcott

Data de Publicação: abril de 2019

Volume: III

Páginas: 320

Editora: ASA

ISBN: 978-989-23-4474-4

Onde comprar: WOOK | LeyaOnline

Sinopse

Alexander Westcott carrega um grande fardo. Embora tenha herdado o título de conde de Riverdale, não é propriamente um homem de posses. O seu sentido de dever obriga-o, porém, a restaurar a propriedade que lhe coube em herança, pois dela dependem muitas famílias. Resta-lhe uma opção: casar com uma mulher abastada.

Mas antes de ser capaz de pôr o seu plano em ação, Alexander recebe um insólito convite para tomar chá com a vizinha, Miss Wren Heyden. E a acompanhar o chá vem… uma proposta de casamento!

Wren é uma mulher rica, mas sabe que ninguém quererá casar com ela. Vive em reclusão, e são poucos os que alguma vez vislumbraram o seu rosto. Ela anseia agora por um marido, nem que tenha de o comprar!

Estará o tão improvável casal preparado para o que aí vem?

Texto retirado do site da editora, disponível neste link.

Opinião

Wren tem vivido por toda a sua vida isolada do resto do mundo. A sua marca de nascença é responsável pela barreira invisível que a separa do resto do mundo. Apesar disso, ela é uma mulher de negócios bem sucedida. Algo raro na sociedade da altura. Ter ficado sozinha, depois da morte dos tios, despertou nela a necessidade de ter a sua própria família. O problema, é que ela acredita que a sua aparência iria afastar qualquer candidato. Por isso, decidiu comprar um.

Apesar da necessidade, Alexander não aceita casar apenas pelo dinheiro de Wren. Isto foi algo que me fez gostar MUITO dele. Ele precisava do dinheiro e teria sido muito fácil para ele simplesmente aceitar o que ela lhe oferecia. Querer conhecê-la e descobrir se poderiam sentir-se confortáveis um com o outro fez a diferença na forma como olhei para ele.

Ao aceitar “mostrar-se ” ao mundo, Wren mostrou o quão forte era. Ela foi uma personagem de quem realmente gostei e diverti-me imenso com os encontros dela com a família de Alexander. Juntos, Wren e Alexander formaram uma casal adorável, numa história inspiradora que nos faz pensar no quão importantes são os “defeitos” que acreditamos ter.

Embora este seja o terceiro livro desta série, foi o primeiro que li. Gostei tanto da ligação entre os vários membros da família, que mal posso esperar para ler os outros!

*******

Gostaram? Podem ler mais das minhas opiniões clicando neste link!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *