Em Português,  Livros,  Romance,  Romances de Época,  Sugestões

| Amar Um Homem Perdido | Mary Jo Putney – Opinião

Amar Um Homem Perdido é um livro que relata a história de um homem que, depois de um  desastra perde a memória de de uma mulher, que se disse mulher dele, mesmo sem o conhecer…

Amar Um Homem Perdido

Título Original: Loving a Lost Lord

Autora: Mary Jo Putney

Data de Publicação: abril de 2020

Série: The Lost Lords

Volume: I

Páginas: 352

Editora: ASA

ISBN: 978-989-23-4811-7

Onde comprar: WOOK | LeyaOnline

Sinopse

Após um violento naufrágio, Adam desperta sem qualquer recordação do seu passado, do seu título de duque ou sequer do trágico acidente que quase lhe acabou com a vida. Mas fica encantado ao saber que Mariah, a beldade de cabelos dourados que cuida dele com tanto empenho, é sua mulher. É certo que o nome e o rosto dela não lhe são familiares, mas ao sentir o seu toque, ele sabe, com toda a certeza, que ela lhe pertence…
Ao tentar livrar-se de um pretendente agressivo, Mariah Clarke nunca imaginou que a sua salvação viesse na forma daquele estranho de olhos hipnotizantes trazido pelas ondas para uma praia deserta. Não foi sequer difícil convencer Adam de que era mulher dele. O verdadeiro problema é resistir à tentação de cumprir o seu dever de esposa. Pois, apesar de começar como fantasia, a paixão tornou-se perigosamente real… e tão, mas tão arrebatadora…
Amar Um Homem Perdido é uma história de amor e aventura que desafia as convenções. Um hino à imprevisibilidade do amor.

Texto extraído da página online da editora Leya, disponível neste link!

Opinião

Mariah precisa urgentemente de uma solução para os seus problemas quando ela chega, trazida pelo mar… Encontrar um homem com amnésia e a precisar dos seus cuidados foi muito oportuno. Embora com a consciência pesada pelas mentiras que estava a contar, não podia negar o jeito que lhe estava a dar ter um homem em casa para a proteger… Ainda assim, ela sabia que seria apenas uma questão de tempo até revelar toda a verdade a Adam.

Adam não se lembrava de quem era, mas estava feliz por ser casado com uma mulher de quem gostava realmente e por quem se sentia muito atraído. No que dependesse dele, nada lhe iria acontecer e iria sempre protegê-la, até que descobre que, afinal, ela não é assim tão mulher dele… Os seus amigos surgem à sua procura e, junto com eles, começam a chegar as suas memórias também…

***

Pessoalmente, acho que esta história merecia muito mais suspense do que aquele a que teve direito… Apesar da mentira, a Mariah confessou muito rápido que tinha mentido, os amigos conseguiram encontrá-lo com uma certa rapidez também e até o falso noivado de Adam com a prima foi rápido a dissolver-se…

A Mariah não teve um inicio muito fácil, com a noticia da morte do pai e a sua necessidade de ajuda vem precisamente desse facto. No entanto, quando a conhecem, os amigos de Adam não conseguem deixar de desconfiar dela e das suas intenções… O único mistério que se mantém desde o inicio até ao fim do livro é quem terá tentado matar Adam… Ainda assim , acredito que quem fizer uma leitura com alguma atenção vai descobrir a resposta sem grande problema…

Quase no final da história existem grandes revelações sobre as origens de ambos os personagens principais… Sem querer dar grandes spoilers xD, tenho a dizer que o que os pais da Mariah fizeram foi, no minimo, desumano! Não gostei nada e não posso deixar de pensar que ambos foram muito egoístas na forma como lidaram com o assunto… Para evitar sofrimento próprio, eles simplesmente sacrificaram o bem estar e a felicidade de quem deveria ser protegido por eles…

***

Gostei da exploração que a autora fez às raízes do personagem principal de forma a incluir a cultura do hinduísmo na história, gostei da relação de proximidade/amizade entre o Adam e o seu criado de quarto e gostei dos colegas do Adam e da relação deles com a dona da escola que eles frequentaram em miúdos…

É um bom livro para desanuviar um pouco, uma leitura simples e leve capaz de nos distrair durante algum tempo… Ainda assim, acredito que a autora poderia ter desenvolvido um pouco melhor alguns dos pontos principais e por isso fico a aguardar que os próximos livros contenham aquilo que eu não encontrei neste…

*******

Podem ler mais opiniões minhas a romances de época seguindo este link!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *